REFLEXÃO [FAÇA O BEM A VOCÊ MESMO]

“É curta demais a vida terrena para você se dar ao luxo de perder um minuto sequer em intrigas, maledicencias e malquerencias.
Quanto lucraria se evitasse, no dia-a-dia, esse veneno que aos poucos vai destruindo a sua felicidade…
Enquanto você pensa, fala e faz o que é mau, antes de prejudicar à sua vítima, está envenenando a si mesmo na digestão desse amargor que lhe fica no coração.
O mal que desejamos aos outros, permanece dentro de nós em forma de perigoso retorno.”

texto: J.S. Nobre

REFLEXÃO [A ARTE DE SOFRER]

“Habitue-se a conviver com a vida, sabendo que os seus caminhos são muito mais de espinhos do que de flores.

Deus dispõe as coisas de tal forma que não nos esqueçamos de que os sofrimentos purificam, aperfeiçoam e preparam o nosso espírito para melhor saborear as delicias da felicidade. E esta, para cada um de nós, deve ser muito mais uma conquista do que uma dádiva.

Assim como, se não houvesse a noite escura, não teria tanta beleza a luz do dia; assim também, se não houvesse o sofrimento, não poderia haver a alegria.”

texto: J.S. Nobre

REFLEXÃO [AGRADECER SEMPRE]

“Você vive pedindo favores de Deus.

Você vive recebendo de Deus os favores. Desde o sol e a chuva. A brisa e o vento. O orvalho e a flor. O calor e o frio. A luz e o som. A semente e o alimento. O dia e noite. O trabalho e o repouso. O barulho e o silencio. A fé e a esperança. O amor e a caridade. O tempo e a eternidade.

Você recebe o tempo de sofrer e o tempo de sorrir. Você recebe a vida em cada manhã que desperta. Você vive recebendo.

Quando foi que você se viu agradecendo?”

texto: J.S. Nobre

REFLEXÃO [A ARTE DE VIVER]

“Você pode contar muitos anos de vida e ser jovem.

Muitos se impressionam com a sua idade cronológica. Entristecem-se a cada dia do seu aniversario natalício, somando cada ano como se ele fosse o grande inimigo da sua felicidade.

Idade cronológica não é mais importante do que essa juventude espiritual que você pode mostrar a todos os que contemplam o seu sorriso e bondade ou sentem as irradiações da sua vida interior.

Pense sempre que a arte de viver é morrer jovem, o mais tarde que puder!”

texto: J.S. Nobre

REFLEXÃO [A PRESSA É INIMIGA DA PERFEIÇÃO]

“Não tenha pressa em fazer o bem.

É indiscutível a verdade que se contém naquele ditado antigo: ‘a pressa é inimiga da perfeição’.

Nunca se soube de qualquer coisa que, tendo sido feita com pressa, tenha sido bem feita.

Por outro lado, tudo o que é feito com amor, pelo menos com prazer, é feito cuidadosamente, para que, se não puder ser perfeito, traga a marca do zelo, do carinho ou da responsabilidade de quem o fez.

Já se disse que fazer o bem depressa, é difícil de acontecer.”

texto: J.S. Nobre